Mulher intensa

Esposa, mãe, empresária e acima de tudo, mulher. Poliana Rocha mostra as faces do sucesso

Fotógrafa: Renata Xavier

Make/Hair: Walter Lobato

Edição de moda: Alê Duprat

Locação: Le Chateux Joá

Assessoria: Rafaella Freitas

Antes de falarmos sobre empreendedorismo, gostaria que nos contasse quem é a mulher Poliana Rocha?

Sou amorosidade. Acredito no ato de amar e cuidar das pessoas que amo e que me cercam. Sou uma mulher forte, guerreira, uma coluna dentro de casa. E, tenho uma sensibilidade bastante aflorada.

Hoje, o que te inspira tanto no trabalho, quanto na vida pessoal?

O carinho das pessoas que me seguem e acompanham o meu dia a dia. Elas me pedem conselhos, dicas, demonstram tanto amor por mim, que me sinto motivada a seguir.

Enquanto empresária, qual foi o seu maior desafio?

Agir mais com a razão, exercitar autoconfiança. Aprender a dizer não e identificar minhas fraquezas, também, é muito importante.

E qual a sua maior conquista?

Sou empresária e influencer, mas, a minha maior conquista é ter resgatado meu amor próprio. Precisamos, primeiramente, estar bem conosco mesmo para depois seguir em frente.

Como surgiu a ideia do Talismã Office, um espaço de coworking criado e que faz sucesso em Goiânia?

Surgiu de uma necessidade de inovação no mercado imobiliário e junto com essa demanda também a vontade de empreender em algo que sempre acompanhava nas viagens quando ia para São Paulo (SP). Então decidimos implantar algo do tipo aqui no mercado goiano. A vontade de reunir diversos empreendedores em um mesmo espaço, a troca de informações, o fato de poder agregar, de alguma forma, para o crescimento das pessoas, nada melhor que um coworking, que reúne todas essas possibilidades em um só espaço.

A pandemia impactou no novo empreendimento?

Sim, no primeiro momento acredito que todos os investimentos sofreram impacto com a pandemia. Porém com a pós-pandemia, o Talismã Office se tornou um sucesso, principalmente, por atrair os empresários pela ideia de compartilhar o mesmo ambiente, gerar novos negócios, e conseguir reduzir drasticamente os custos fixos de qualquer empresa que se instala em nosso espaço. Na pandemia diversas empresas se desfizeram dos seus grandes espaços físicos, e, nesse momento estão buscando por espaços menores, redução de custos fixos e oportunidade de gerar novos negócios. Esses perfis de empresas estão migrando para o nosso coworking.

Para o futuro e como esposa do cantor sertanejo Leonardo, o que espera, ainda, conquistar?

Não almejo ter, almejo ser. Quero ser cada vez mais evoluída, cheia de luz! Esbanjar amor e brilho por onde eu passar.

Qual o seu conselho para outras mulheres que querem empreender?

Acreditem sempre, acreditem mais! Tenham um propósito e corram atrás dele, releve o que for preciso e foque no objetivo maior. Só assim conseguimos vencer os obstáculos.

Se fosse possível voltar no tempo e dar um conselho a si mesma, qual conselho seria?

Apenas comece! Tente, a gente nunca vai saber antes de tentar fazer. Permita-se sempre!

Previous PostAcessórios de qualidade
Next PostFesta junina